Holanda

/

Amsterdam

A vida em torno de um canal

Certa vez passei algumas horas com meu marido apreciando a destreza de um holandês, com seu amigo, tentando resgatar seu pequeno barco quase imerso no canal de frente à sua casa. Era o ínicio da primavera e quando o sol começa a dar as caras, ainda que timidamente, trazendo os primeiros ensejos de esperança para dias mais quentes.

Certamente aquele barquinho ficara esquecido durante todos os meses de inverno e outono, sujo e cheio de água acumulada após tanto tempo sem uso. Devem ter sido pelo menos umas 3 horas até que os dois meninos habilmente conseguiram retirar o barco da água, já rodeado de espectadores que os aplaudiram depois de tanto suor. Não tenho videos nem fotos desta cena - uma pena não compartilhar aqui, com você leitor, mas há momentos que merecem o registro apenas na nossa lembrança. Típica cena de Amsterdam, tanto quanto a família que vive numa daquelas impressionantes house boats: bacana de ver no verão, todos congregados em torno de uma mesa montada ao lado de fora do barco, com uma boa taça de vinho, queijos, pães e afins. Passar um tempo admirando a vida que acontece em torno de um canal é um ato que relaxa, inspira, acalma e propõe tantas coisas boas pra nossa mente - especialmente quando nos deixamos levar pelo momento e sem cronometrar o tempo e muito menos sem a automática necessidade de audiência em nossas redes sociais. Coisas que muitas vezes de férias nos permitimos fazer. Não há uma viagem sequer que eu tenha feito para Amsterdam, que não tenha dedicado um tempo para admirar as belezas de um canal.

Comentários

O comentário será moderado pelo admin antes de ser exibido